Literatura CNEC

Fórum destinado à discussão de obras literárias. O objetivo deste fórum, além disso, é substituir a avaliação tradicional, e fomentar reflexões mais profundas.
 
InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  

Compartilhe | 
 

 As Margens da Alegria

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Flávio Machado
Admin
avatar

Mensagens : 86
Data de inscrição : 10/11/2014
Idade : 28

MensagemAssunto: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 11:32 am

Citação :
Voava, porém, a luzinha verde, vindo mesmo da mata, o primeiro vagalume. Sim, o vagalume, sim, era lindo! — tão pequenino, no ar, um instante só, alto, distante, indo-se. Era, outra vez em quando, a alegria.

Faça um pequeno resumo do conto "As margens da Alegria", buscando explicar melhor o desfecho.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://literaturacnec.forumbrasil.net
Letícia Mendes Fagundes



Mensagens : 7
Data de inscrição : 19/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 2:08 pm

Um menino ia com os tios passar uns dias onde construía a cidade. Durante a viagem todos o respondiam, até mesmo o piloto conversou com ele, davam-lhe balas, chicletes, agradavam o menino. Quando chegou a cidade ele queria fazer varias coisas. O menino ficou encantado com o peru no terreiro, ficou observando ele ate o chamaram para um passeio de jipe, ele observava tudo com muita curiosidade ate que mataram o peru que ele havia visto, então ele perdeu a beleza pelo que tinha visto, homens trabalhando na terraplanagem, caminhões de cascalho, águas cinzentas, o encantamento morto e sem pássaros. Ele não queria mais voltar no terreno, era uma saudade abandonada. Tudo era tristeza, um dia viu um outro peru morto, ele não entendia, a mata, as negras arvores, o mundo era treva. Apenas voava uma luzinha verde, um vagalume vindo da mata, era outra vez em quando, a alegria do menino.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
lucas carvalho cardoso



Mensagens : 7
Data de inscrição : 11/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 2:25 pm

O conto relata a historia de um menino que vai viajar com sua família. Primeiro eles viajam de avião e ao chegar a cidade eles vão para a casa onde ficariam. La o menino se encanta com a beleza do peru. Mas logo saíram para o passeio de jipe que o deixou fascinado. Após o almoço ele foi correndo para o terreiro ver novamente o peru, mas ele nas estava mais la porque o haviam matado.Eles saíram novamente e ao voltar ele encontrou outro peru no quintal porem menor que o primeiro. Ele ficou um pouco consolado, mas logo viu o novo peru bicar a cabeça degolada do antigo peru e ficou sem entender. Logo após o ocorrido ele viu um vaga-lume sair da mata com sua luz verde e ficou feliz novamente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nybia Lohanny

avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 11/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 2:31 pm

Inicialmente, mostra a alegria do menino diante da viagem de avião, das tantas coisas novas que se apresentam a ele. Contudo, sua maior admiração foi um peru, que encontrou no terreiro da pequena casa onde ele e os tios estavam. Tudo na ave o impressiona: suas cores, sua beleza, seu gluglu. O menino sai para outro passeio, vê outros animais e outros lugares, porém a simples lembrança do belo peru o deixa extasiado. Quando voltam, procura o animal, mas descobre que ele havia sido morto para comemorar o aniversário de seu tio. A curiosidade e a expectativa com relação a tudo o que ainda estava por ser visto o abandonam. Passeia novamente com os tios pela nova cidade que se erguia. De volta, descobre a presença de outro peru. Este não possuía a elegância do primeiro, mas diminuía sua tristeza. Já anoitecia, quando menino descobre outro animal que o surpreende, era o primeiro vaga-lume daquela noite. A visão do animalzinho deixa-o novamente feliz.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fernanda Andrade



Mensagens : 7
Data de inscrição : 12/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 2:41 pm

Um menino saiu de sua casa para viajar com os tios, e cada coisa que via no caminho lhe trazia uma imensa felicidade. Chegou na casa onde ficaria, e avistou um peru, ficou encantado com a formosura daquele animal, mesmo quando saíram para passear, mesmo avistando e vivendo tantas coisas bonitas, sua mente sempre o lembrava daquele peru. Quando voltara a casa não o encontrou. Várias coisas passavam pela sua cabeça, sobre o que havia acontecido com o animal, e nenhuma dessas coisas era prazerosa, gerando uma desilusão na criança. Percebera então que entre o contentamento e a desilusão quase nada medeia. Depois de voltar de um passeio com os tios o menino encontra o peru, mas não era o mesmo, este peru o atraiu para mata e lá encontrou o outro que o encantara com a cabeça degolada e o farsante a bicar. Avistou então um vaga-lume saindo da mata e alegre novamente o menino ficou.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kennedy Oliveira



Mensagens : 7
Data de inscrição : 17/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 2:51 pm

Começa com a alegria do menino ao fazer uma viagem de avião com os tios , chegando na casa ele vê um peru e fica muito admirado com o bicho, tudo o admirava, cada parte do peru. O menino então vai para outro passeio e encontra vários outros animais, mas o que realmente mexeu com o menino foi o belo peru. Quando voltaram para a casa o menino logo foi procurar o peru, mas descobriu que ele havia sido morto para comemorar o aniversário do seu tio. Saíram novamente para observar a cidade em construção, voltando para casa o menino encontra outro peru, esse não era tão belo quanto o primeiro, mas já serviu para consolo do menino. À noite o menino se surpreende com a beleza de outro animal, desta vez ficou impressionado com um vaga-lume , deixando o feliz novamente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cecilia Lopes

avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 11/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 2:53 pm

Um menino foi viajar com seus tios, no caminho tudo era novidade e todos o agradavam.Chegando a seu destino ele fica maravilhado com a natureza, sua bondade e principalmente um peru.Boa parte da historia ele passa observando o peru, porem certo dia, o animal é morto e ve uma arvore derrubada deixando o pobre menino em uma maré de tristeza. Outro peru aparece, mais não consegue satisfaze - lo da mesma forma que o outro.Sua alegria apenas retorna quando avista um vaga lume que piscava na mata.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sabrina Sousa



Mensagens : 7
Data de inscrição : 16/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 3:11 pm

Conta a historia de um menino que primeiramente mostrava-se encantado com a viagem que estava fazendo de avião com os tios. Ao chegarem na casa que iam ficar, o menino ficou impressionado com um peru, encantado com a beleza do animal. Saiu para outros lugares, viu outras coisas e outros animais, porém a imagem do peru e sua formosura, não saia de sua mente. Ao chegar do passeio, foi ao quintal a procura do peru que não estava lá, haviam o matado. Ficou muito triste, e saiu novamente para passear. Quando voltou havia lá outro peru porém menor que o primeiro, mas não tinha a elegância do primeiro. Somente após ver o vaga-lume na floresta o menino volta ficar contente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
vitoria rocha



Mensagens : 5
Data de inscrição : 17/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 3:49 pm

Em uma viagem com os tios, o menino fica encantado com a natureza e com os animais, mas principalmente com um peru. Porém um dia o peru morre e o menino fica bastante triste. E um outro peru aparece so que o menino não fica satisfeito.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Beatriz santana



Mensagens : 7
Data de inscrição : 10/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 3:52 pm

O conto conta a história de um menino que viaja com os tios para o local onde estava sendo construída uma grande cidade. Inicialmente, conta-se a alegria do menino diante da viagem de avião, da chegada, da natureza. Contudo, o que mais chamou sua atenção foi um peru, que encontrou no terreiro da pequena casa onde ele e os tios estavam. Tudo no animal o impressionava: suas cores, sua beleza, seu "gluglu". O menino sai para outros passeios, vê outros animais e outros lugares, mas nada se comparava com a beleza do peru. Na volta, procura o animal, mas descobre que ele havia sido morto para comemorar o aniversário de seu tio. Com o desaparecimento do animal, o menino experimenta sensações desconhecidas: o "desgosto", a “tristeza", fazendo com que toda a expectativa com relação a tudo o que ainda estava por ser visto, o abandonam. Passeia novamente com os tios por onde a nova cidade se erguia. De volta, descobre a presença de outro peru. Este não possuía a "elegância" do primeiro, mas diminui sua tristeza. Já anoitecia, quando o menino descobre outro animal que o surpreende: era o primeiro vaga-lume daquela noite. A visão do animalzinho o dá a sensação de quando encontrou o primeiro peru, deixa-o novamente feliz.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Felipe Arruda



Mensagens : 7
Data de inscrição : 11/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 3:56 pm

O menino ia passar uns dias na grande cidade com seus tios. Iria de avião. Decolaram. O menino ia contente e impressionado. E logo chegavam. Quando chegou na casa, avistou um peru, que fascinou o menino. Achava o peru belo. Logo o menino foi a um passeio de jipe. Via um exuberante paisagem. Diversos animais e plantas. O menino ainda voava pensando no peru. Logo após o almoço, o menino foi ver o peru, mas não o encontrou, pois haviam matado o peru. O menino entristece. Ao retornar o menino vê um peru não tão formoso quanto o antigo, mas ainda assim belo. Esse peru o consola. Mas ao ver que ele bicou a cabeça do peru morto ele voltou a se entristecer. E, de novo, volta sua alegria ao ver os vagalumes. Que o menino achou lindo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Michelly Arruda



Mensagens : 7
Data de inscrição : 10/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 4:06 pm

Um menino vai com os tios fazer uma viajem de avião. Passando alegria a todos, mostrando através dos olhos. Chegaram, tudo lhe surpreendia, mas quando viu o peru ficou admirado. Feito um passeio conheceu vários animais, deixando cada vez maus surpreso, tendo a ideia do paraíso, mas nada tirava da sua cabeça a imagem do peru. Até que recebeu a notícia que o peru é morto, deixando em uma desilusão. Depois do jantar viu um peru, mas não era o mesmo, mas se consola um puco. Quando naquela mata de negras árvores ele vê um vaga-lume, tão pequeno e brilhante o que lhe deixa novamente feliz, era a alegria.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bárbara Machado



Mensagens : 7
Data de inscrição : 12/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 4:12 pm

O conto narra a história de um menino que estava a viajar com os tios. No início tudo o admira na construção da cidade e cada novidade o deixa extasiado. Porém é nos fundos da pequena casa que ele descobre sua maior admiração: o peru. Fascinado com o animal a criança fica deprimida ao saber que este havia sido morto para as comemorações do aniversário do tio. Mesmo tendo encontrado outro peru posteriormente, o menino ainda fica desiludido. Talvez por que ao perder o peru, ele tivesse tido seu primeiro contato com a dor, a perda e a morte. Sua alegria só é restituída ao ver a luzinha verde de um vaga-lume a piscar em meio à escuridão da noite "um instante só, alto, distante, indo-se".
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arthur Ferreira



Mensagens : 7
Data de inscrição : 20/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 4:24 pm

O conto mostra a historia de um menino que viaja com os tios, e desde o principio da viagem todos os agradam, no avião, dando a ele ateh balinhas. Chegando até a cidade ele se encanta profundamente por um peru q estava no terreiro. Ele foi a um passeio de jipe e ão voltar, para sua surpresa, o peru havia sido morto para o aniversário de seu tio. A partir dai tudo era trevas para ele, não achava mais felicidade em nada naquele lugar, até ver um luz verde piscar pela escuridão, onde virá sua felicidade voltar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Milene G



Mensagens : 7
Data de inscrição : 12/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 4:40 pm

O menino foi viajar com os tios, e no decorrer da história, nota-se que o garoto é agraciado com inúmero mimos. Era alegre pois tudo na cidades o surpreendia desde quando estava no avião que observava o céu e as revistas e mapas que os parentes o davam. O menino sentia prazer nas pequenas coisas que observava e na forma de que tudo que queria conquistava... Ganhava sanduíches quando estava com fome e brinquedos quando queria brincar. No quintal da casa, o garoto se deparou com um peru e encantou-se pela beleza do animal. Porém, ao retornar a fim de observar novamente o peru, o garoto avistou-o morto e aquilo o trouxe uma grande dor, talvez por terem ido contra a vontade do menino pela primeira vez até então. Por surpresa, do quintal surgiu uma luz pequena de um vaga-lume que recuperou a felicidade do garoto. Talvez ele tenha relembrado de como as simples coisas da vida são belas como no começo da história, já que o peru tinha pelagens coloridas e chamativas símbolo de luxo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fabio Augusto



Mensagens : 7
Data de inscrição : 10/11/2014
Idade : 20

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 6:21 pm

O conto inicia-se com o menino indo viajar com os tios. Durante a viagem, no avião, tudo o deixava encantado, o mundo visto por cima era maravilhoso. Já na cidade, em uma manhã, o menino encontra um peru no quintal da casa em que estava com seus tios, animal que esbanjava beleza e recebia grande admiração do menino. Em um passeio de jipe, o menino observou vários outros animais, mas o peru ainda era o mais encantador de todos. O menino não via a hora de chegar em casa e encontra-lo novamente. Após o Almoço, o menino saiu correndo para o quintal para rever a beleza do animal, porém, tudo que encontrou foi penas. Mataram o peru. O menino saíra em mais um passeio, mas abalado pela tristeza com o peru, ele não conseguia mais ver a beleza das coisas. De volta à casa, o menino não queria nem sair mais ao terreiro, mas lá foi após o jantar, então teve uma grande surpresa. Lá estava o peru, mas não era o mesmo. No quintal, observando o novo peru, o menino avistou algo que o deixou extremamente ferido, a cabeça degolada do antigo peru. O menino estava triste, porém, vinha da mata uma luzinha verde, era um vagalume. Aquele pequenino vagalume o deixou maravilhado, era mais uma vez a alegria. O brilhante vagalume o encantou tanto quanto as cores do peru, recuperando toda a sua lembrança e felicidade ao ver aquele animal.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bruno Peixoto

avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 17/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 6:39 pm

O conto retrata uma viagem de um garotinho com sua família, que já estava fascinado dentro do avião com a beleza, ao chegar ao destino, ele e seus tios vão a casa onde iriam ficar, ao chegar lá o menino se depara com um peru, e ele fica fascinado com aquilo, logo em seguida eles vão a um passeio de jipe e ao retornar a casa, o menino vai procurar novamente o peru e o encontra morto, o que lhe causa uma grande tristeza. Mas no quintal o menino vê um vaga-lume que o trouxe novamente toda a felicidade de antes.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Deborah Fonseca



Mensagens : 7
Data de inscrição : 13/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 6:49 pm

Um menino vai viajar com seus tios, ele estava muito empolgado com tudo, queria fazer muitas coisas de uma só vez. Ele fica encantado com a beleza de um peru. Eles vao fazer uma passeio de jipe, mas ele sempre lembrava do peru que viu. Quando volta descobre que o peru foi morto e fica muito chateado. Depois quando ele volta ao quintal descobre outro peru, menor que o outro e nem tão elegante, mas já diminui um pouco sua tristeza. Logo depois ele ve uma luzinha verde e descobre que é um vagalume que o deixa novamente feliz.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Leandro Roger



Mensagens : 7
Data de inscrição : 20/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 6:52 pm

Um garoto fica fascinado com a viagem que faz com a família, ao chegar na casa que iriam se hospedar o garoto encontra um peru e fica encantado, depois de um passeio de jipe eles voltam para a casa e o garoto encontra o peru morto, ele fica muito triste, mas ele vê um vaga-lume e fica encantado tanto quanto ao peru, e isso faz com que o garoto retome sua alegria.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Paula Mendes



Mensagens : 7
Data de inscrição : 19/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 6:57 pm

O menino viaja com sua familia . Seus tios tentam agradar ele ao maximo dentro do aviao e em todos os momentos da viagem . Mas oque facina mesmo o garoto é um Peru , que em um fim de tarde o menino se depara com ele morto . Ele fica muito triste , e acaba encontrando outro Peru , pouco menor , mas que o decepciona comendo os restos do outro Peru . Sua felicidade volta , quando o menino enxerga uma luzinha verde , um vagalume no meio da mata .
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bruna Trindade



Mensagens : 7
Data de inscrição : 13/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 7:04 pm

Um casal levava seu filho até o aeroporto, pois ele ia viajar com seus tios. O menino agradava a todos. Quando chega na grande cidade, ele se encanta com o peru. Ao chegar de um passeio, ele descobre que tinham matado o peru para comemorar o aniversário de seu tio, e sente a dor da perda. Mas no quintal surge um vaga-lume, e assim a sua felicidade volta.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Letícia Evelyn



Mensagens : 7
Data de inscrição : 19/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 7:14 pm

No conto, o menino viaja de avião com os tios. No caminho, ele fica fascinado com tudo o que vê. Chegando na cidade, ele ficou surpreendido com a natureza e principalmente com um peru. Por várias vezes o menino ficava observando o animal. Certo dia, ele recebe a notícia de que o peru havia sido morto. O garoto ficou muito triste, nada mais lhe fazia feliz, nem mesmo depois de ter visto outro peru. Em uma noite, ele avista na mata um vaga-lume piscando, e só assim o menino volta a ser feliz outra vez.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Henrique Assis

avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 20/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 7:25 pm

O menino logo cedo, parte para uma viagem com seus tios. Podemos ver que todos procuravam lhe agradar. Quando chega a cidade, tudo lhe interessa e agrada, simples coisas o fazia feliz, mas nada melhor que um Peru encontrado, que, chamou mais sua atenção e admiração. Ficou muito abalado ao saber que o animal tinha sido abatido para festejar o aniversário de seu tio, e a única coisa que lhe fez feliz novamente, foi uma luz verde de um Vaga-Lume à piscar pela noite.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Thaís Pereira Andrade

avatar

Mensagens : 7
Data de inscrição : 13/11/2014
Localização : Minas

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 8:16 pm

O menino fez uma viagem com os tios que pra ele era inédito, causando-lhe sentimentos de fascínio. Quando o garotinho encontra um peru, fica encantado. Mas tiveram que mataram o animal para comemorar o aniversário do tio, deixando o menino muito triste. Até que ele avista saindo da floresta um vaga-lume, fazendo despertar novamente a felicidade!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Laura Assis



Mensagens : 7
Data de inscrição : 11/11/2014

MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   Qui Nov 20, 2014 8:23 pm

O conto mostra a história de um menino que vai viajar com os tios. Quando chega na lugar onde iria ficar ele fica admirado por tudo, mas com que ele fica mais adimirado é com o Peru que ele encontra no fundo da casa. Mas depois o menino fica extremamente triste ao saber que o Peru foi morto para o aniversário do tio, mesmo com outro Peru ele não se sente melhor, até que ve uma luz verde na escuridão, era um vagalume, e foi só assim que o menino voltou a ser feliz.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: As Margens da Alegria   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
As Margens da Alegria
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» [Brasil] Aeronave faz pouso forçado às margens da MS-141, diz polícia
» Posição correta das margens dos Selos

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Literatura CNEC :: Primeiras Estórias (Guimarães Rosa)-
Ir para: